O passado se mistura ao presente. É tudo uma coisa só

Até ontem eles não faziam mais parte da minha vida. Até 6 horas atrás eles eram simples vestígios de um passado saudoso, mas remoto.

Mas quando nos encontramos, mais de 1 ano depois da última vez que estivemos juntos, parece que o tempo parou.
Voltei a ter 15 anos, voltei a gostar das mesmas coisas, desejar as mesmas pessoas, sonhar os mesmos sonhos.

Hoje somos completamente diferentes, nos afastamos porquê o destino quis assim.

Mas de uma coisa estou certa: eu os amo pelo que foram, pelo que significaram por tanto tempo na minha vida, e pelo que continuam a ser.
Não tenho medo de expressar meus sentimentos. É sempre bom revê-los, toda a indiferença anterior dá lugar a uma felicidade indescritível.

No último mês saí bastaste, conheci pessoas, conversei com amigos de que realmente gosto, mas faz tempo que não me sinto feliz como hoje. É que 2000, 2001, 2002 e 2003 mexeram demais comigo. Com a gente.

As pessoas se afastaram, mas ninguém pode negar a influência que tivemos uns na vida dos outros. Por mais que tentemos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s