What the Hell?

Esse blog?

Tem história, viu.

Remonta aos idos de 2002. Novembro de 2002. 16 anos, revoltada, rockeira de meia pataca, sempre numa pior no amor. Criei numa explosão de fúria  apõs descobrir que uma amiga me talaricou sem piedade. Aí falei horrores dela e mandei o link pra geral. O título era “Hoje vai rolar churrasco de vaca”.

Aí comecei a usá-lo sempre que precisava explodir. E passei a contar em detalhes precisos cada momento importante da minha vida. As filhadaputagens que faziam comigo, que EU fazia com os outros…

Então, em maio de 2003, tudo foi pro saco. Isso porquê a infeliz que vos fala contou em DETALHES E DANDO NOMES AOS BOIS o sistema de colas em provas no colégio. É lógico que eu não imaginava que alguém lesse essa merda. Aí cabeças rolaram, pegou mal pra várias pessoas, ameaças de demissão com justa causa, etc. Não foi bonito e não me orgulho.

Num momento desesperado, liguei para uma amiga que tinha faltado e mandei que ela deletasse o blog. Pronto.

Segundos depois, me arrependi, mas já era tarde. 6 meses de memórias NA LATA DO LIXO, porque eu sou imbecil e não salvo nunca no pc o que escrevo em blogs (não, não sobrou NADA do Se Mata, por exemplo).

Uma semana depois, o ressuscitei. E ele tá a tona desde então: maio de 2003. Tem várias Ana Clara’s aí. Viagens, descobertas, decepções, amores, tristezas, sexo drogas e rock’n roll, depressões, experiências mil, etc etc etc.

A quem interessa? A mim, exclusivamente. Tá, se eu não quisesse que ninguém lesse, não escreveria. Podem ler, até gosto que leiam, mas sua real utilidade é ser uma terapia para mim. Forçar minha memória a lembrar de fatos relevantes – e outros nem tanto -, entrar aqui anos depois e ler a Ana Clara de 18 anos, ou ler como certa pessoa foi FDP comigo, ou rir de quanta idiotice eu pensava… É uma puta experiência.

Hospedado até julho de 2009 na porcaria do Blig, do IG, finalmente consegui migrar para um lugar melhor. Valeu aê, wordpress.

Isso aí, gente.

Anúncios